Uber indenizará americanos por não passar valor de gorjetas a motoristas

Uber indenizará americanos por não passar valor de gorjetas a motoristas

A Justiça dos Estados Unidos autorizou o Uber a selar um acordo com clientes que a processavam por cobrar gorjetas de 20% do valor das corridas e não repassar todo o dinheiro aos motoristas, informou

Leia tudo

A Justiça dos Estados Unidos autorizou o Uber a selar um acordo com clientes que a processavam por cobrar gorjetas de 20% do valor das corridas e não repassar todo o dinheiro aos motoristas, informou a “Bloomberg” nesta quinta-feira (15).
O aval foi dado por Edward Chen, juiz do Distrito de San Francisco (Califórnia), nesta quarta-feira (14). O Uber propôs pagar US$ 384 mil aos 47 mil usuários lesados.
Segundo esse grupo de passageiros, o Uber informou durante um ano que cobraria gorjetas de 20% sobre o preço das viagens. Só que a empresa não esclarecia que esses valores não eram repassados integralmente aos motoristas. Eles ficavam com fatias que variavam entre 40% e 50% do montante, segundo a ação judicial.
Ainda de acordo com o texto, o Uber arrecadou US$ 860 mil com ação. A indenização aos consumidores cobriria os valores que não chegaram aos bolsos dos motoristas.

http://g1.globo.com/tudo-sobre/uber/

Posts Relacionados