Carlos Alberto Torres, capitão do tri, morre aos 72 anos

Carlos Alberto Torres, capitão do tri, morre aos 72 anos

Caros Alberto Torres, capitão da Seleção Brasileira no título mundial de 1970, morreu nesta terça-feira, aos 72 anos. O ex-jogador foi vítima de um infarto fulminante, e não resistiu. Atualmente, o

Leia tudo

Caros Alberto Torres, capitão da Seleção Brasileira no título mundial de 1970, morreu nesta terça-feira, aos 72 anos. O ex-jogador foi vítima de um infarto fulminante, e não resistiu. Atualmente, o Capita, como era conhecido, trabalhava como comentarista no Sportv.

Considerado um dos maiores laterais brasileiros da história, Torres iniciou a carreira no Fluminense, mas sua passagem mais marcante foi no Santos, clube que defendeu de 1966 a 1974. O jogador também atuou pelo Flamengo, no Brasil. No futebol estrangeiro, ele passou pelo New York Cosmos, onde foi companheiro de Pelé, e pelo California Surf.
O momento mais marcante da carreira de Torres, porém, foi pela Seleção Brasileira. Na Copa de 1970, no México, o lateral fez gol na final, diante da Itália, e ainda foi o capitão do time, sendo o responsável por levantar a taça Jules Rimet, no terceiro título mundial do País. A condição de capitão lhe rendeu o apelido de Capita.

Posts Relacionados

.